Chat with us, powered by LiveChat

Memórias de tradução

Um dos principais objetivos da Trusted Translations’ é estar na vanguarda da tecnologia de tradução, incluindo o uso de ferramentas de memória de tradução e servidores de memória de tradução. Compreendemos, em detalhes, como as memórias de tradução podem melhorar a qualidade, reduzir custos e acelerar todo o processo de tradução.

Em termos práticos, uma memória de tradução é uma base de dados de frases ou segmentos traduzidos anteriormente, que podem ser utilizados para ajudar a traduzir um texto novo. Por exemplo, quando uma frase traduzida anteriormente for detectada num novo projeto de tradução, o tradutor poderá “reutilizar” a frase traduzida anteriormente e armazenada na memória. À medida que uma determinada memória de tradução cresce, os projetos subsequentes podem ser concluídos mais rapidamente e a um custo muito menor.

Servidores de memória de tradução

Essas memórias de tradução podem ser armazenadas num servidor separado (“Servidor de memória de tradução”), onde os tradutores podem ter acesso em tempo real à medida que elas são criadas.

Memórias de tradução e servidores de memória de tradução são ativos valiosos se bem gerenciados. Uma gestão cuidadosa e profissional significa manter atualizadas as memórias de tradução e evitar “poluição”. Dessa forma, todas as traduções novas são baseadas em “boas” traduções anteriores e não se tornam um meio de repetir erros de tradução seguidas vezes.

Usando memórias de tradução

Na Trusted Translations, estamos constantemente inovando e trabalhando com novas soluções de memória de tradução para garantir que a sua organização se beneficie da tecnologia de última geração, a fim de melhorar a qualidade, a consistência e reduzir os custos e prazos de tradução.

Memórias de tradução e acesso a um servidor de memórias de tradução podem agregar valor à maioria dos projetos de tradução de médio a grande porte. Para obter todos os benefícios de suas memórias de tradução, é importante entender como elas funcionam e sob quais circunstâncias elas são normalmente usadas.

Memórias de tradução são usadas principalmente para projetos que envolvem conteúdo armazenado em um formato eletrônico utilizável. O conteúdo normalmente está num dos formatos padrão, como Word, Excel, InDesign, XML, etc. Documentos ou faxes mal digitalizados geralmente não são os melhores candidatos, já que a maioria dos programas de software de memória de tradução não consegue lê-los bem o suficiente para aproveitar uma memória de tradução.

Após conseguirmos o conteúdo num formato reconhecível e utilizável, o tradutor poderá abrir o conteúdo num ambiente de tradução, seja numa aplicação independente ou baseado na web.

Entendemos que essa tecnologia pode ser confusa e exigir mais explicações ou até mesmo uma demonstração. Na Trusted Translations, temos especialistas em memória de tradução próprios e treinados, prontos para explicar a você e à sua organização como vocês podem aproveitar melhor essa tecnologia para melhorar as suas traduções e, ao mesmo tempo, reduzir os custos.