Líder em soluções de tradução automática neural gerais (de base)

A Trusted Translations desenvolveu um processo tecnológico que integra mecanismos de tradução automática de base (MT), como Google, Microsoft, Amazon, DeepL, entre outros, com servidores de memória de tradução (TM) e serviços de pós-edição para produzir traduções de alto volume, com a mais alta qualidade do setor. Com base na solicitação e nas especificações de nossos clientes, integramos uma solução de MT de base com nosso processo de controle de qualidade para produzir traduções altamente confiáveis e precisas. É comprovado que esse processo próprio melhora significativamente os tempos de entrega e reduz os custos, mantendo um nível muito alto de qualidade da tradução.

Motores de tradução automática de domínio geral à disposição

Um motor de tradução automática de domínio geral (às vezes chamado de “GMTE”) refere-se a um programa de software que pode traduzir texto de e para um determinado idioma, com pouca ou nenhuma intervenção humana. Embora cada um desses motores de base seja construído de maneira diferente, a maioria deles é projetada para traduzir conteúdo geral que não envolve terminologia especializada – daí o nome, soluções de Tradução Automática de Domínio Geral. Os mais populares são o Google Translate, Systran, Microsoft Translator, Microsoft Hub e Amazon.

Para uma compreensão geral do conteúdo relativamente básico, os motores de base podem fazer um trabalho decente. No entanto, nos dias de hoje, os motores personalizados ainda têm uma vantagem competitiva. Ou seja, as traduções produzidas apenas pelos GMTEs não são confiáveis o suficiente para uso profissional, porque os erros são inevitáveis, mesmo para documentos simples.

Com isso, o GMTE pode ser uma parte útil de um processo de tradução, dependendo dos objetivos do cliente e da natureza do projeto. Na Trusted Translations, aprendemos como alavancar GMTEs e integrá-los com base nas necessidades e objetivos de nossos clientes. Se acreditamos que certo projeto é um bom candidato para incorporar GMTEs ao processo, discutimos a opção com nosso cliente e projetamos uma solução que combine todos os benefícios de GMTEs, servidores de memória, tradução humana (HT) e revisão.

Servidores de memória de tradução e MT de domínio geral

O uso de um Servidor de memória de tradução (“TMS”) ao usar um GMTE é uma maneira de melhorar a qualidade geral do resultado da tradução, pois utiliza históricos de segmentos traduzidos por humanos como parte do resultado. O uso desse conteúdo herdado ajuda a garantir a qualidade, refletida em uma fidelidade aprimorada às diretrizes de estilo específicas do cliente e até na terminologia, nos casos em que os glossários podem não ser um recurso robusto. Uma configuração possível do fluxo de trabalho para a preparação do conteúdo consiste em cada segmento de conteúdo sendo traduzido primeiro por meio de um TMS. Se um segmento idêntico ou semelhante (full ou fuzzy match) não for encontrado nesta primeira etapa, o conteúdo será colocado no motor de tradução automática geral.

Atualmente, a maioria dos TMS permite concluir essas duas etapas simultaneamente. Por fim, o conteúdo bilíngue gerado a partir de uma memória de tradução ou de um resultado puro de tradução automática também pode ser editado por um pós-editor especializado; isto é, um linguista especialmente treinado para trabalhar com esse resultado de MT. Depois disso, qualquer edição humana posterior será inserida no TMS, melhorando assim a qualidade da próxima tradução.

Pós-edição humana de traduções automáticas de domínio geral

O uso do GMTE pode aumentar significativamente a velocidade da tradução em comparação com um processo de tradução envolvendo apenas linguistas humanos. Com poder de processamento suficiente, você pode traduzir centenas de milhões de palavras em apenas alguns dias. Independentemente do debate recente sobre se a paridade foi alcançada entre a produção de MT e HT, em geral, pode haver algum motivo de preocupação com a qualidade do resultado final. Uma solução é adicionar uma etapa humana de pós-edição e, possivelmente, etapas adicionais de revisão, como parte do fluxo de trabalho. A integração de um processo humano de pós-edição aumenta o tempo de produção, mas, por sua vez, gera um nível de qualidade muito mais alto e também pode ajudar a identificar áreas problemáticas ao usar GMTEs.

Motores MT de domínio geral, Servidores de memória e
Fluxo de trabalho pós-edição humano

Como as soluções de tradução automática ainda estão em sua infância, a Trusted Translations aborda cada projeto como um caso único. No entanto, com base em nossa experiência, desenvolvemos e testamos vários fluxos de trabalho que integram com êxito a tradução automática. A seguir, é apresentado um fluxo de trabalho comum que integra o GMTE a uma memória de tradução e a uma solução pós-edição humana.

Como ilustrado acima, o conteúdo flui por todas as etapas do processo por meio de uma API ou outros tipos de integrações. Cada segmento de conteúdo flui através do TMS e do Motor de tradução automática de domínio geral até chegar ao ambiente de pós-edição. Em outras palavras, os resultados de cada segmento que sai do servidor de memória de tradução e/ou do motor de tradução automática geral serão pós-editados online por um de nossos pós-editores profissionais em nosso ambiente de pós-edição baseado na nuvem. O processo pode ser executado simultaneamente para vários idiomas. O processo flui quase que instantaneamente para o ambiente de pós-edição. O retro-feedback resultante da tarefa de pós-edição humana gera atualizações automáticas no TMS.

MT de domínio geral versus MT personalizada

O uso de um motor de tradução automática de domínio geral combinado com servidores de memória de tradução reduz significativamente o custo, usando-se a pós-edição humana no lugar da tradução humana (do zero) e da revisão. Os tempos de entrega melhoram drasticamente. As desvantagens dessa opção são que a qualidade não será tão alta e o motor de tradução automática não terá a capacidade dinâmica de aprender e se autoaperfeiçoar da maneira que um motor de tradução automática personalizado o faz.